The Porcelain Berry Vine: Aprenda a cultivar uma videira de porcelana

The Porcelain Berry Vine: Aprenda a cultivar uma videira de porcelana

Por: Jackie Carroll

As videiras de porcelana estão intimamente relacionadas às videiras e, como as uvas, são cultivadas mais por seus frutos do que por suas flores. Esta trepadeira de folha caduca apresenta folhagem densa e exuberante desde a primavera até o outono. Videiras de porcelana de crescimento rápido fornecem cobertura rápida para mandris e treliças.

Também chamado de videira de baga de porcelana (Ampelopsis brevipedunculata), a planta produz cachos de bagas interessantes uma vez no final do verão e no outono. As bagas começam brancas, mas escurecem gradualmente para tons de rosa, lavanda, turquesa, azul e preto à medida que envelhecem. Cada cacho pode ter bagas de várias cores diferentes. Pássaros e esquilos apreciam as bagas, mas as pessoas as consideram intragáveis.

Como cultivar uma videira de porcelana

As videiras de porcelana são resistentes nas zonas de robustez de plantas do USDA 5 a 9. Plante as videiras de porcelana em um local com pleno sol ou sombra parcial.

Eles preferem um solo úmido e bem drenado, mas uma vez estabelecidos, toleram a seca.

As vinhas sobem por meio de gavinhas entrelaçadas. Plante-os perto de uma estrutura de suporte robusta, como uma cerca, árvore, treliça ou caramanchão. Ao escolher uma estrutura de suporte, lembre-se de que a videira pode crescer de 3 a 6 metros (10 a 20 pés) de comprimento e tornar-se bastante pesada.

Porcelain Vine Care

Videiras de porcelana estabelecidas podem durar semanas sem rega suplementar, mas durante períodos prolongados de seca, ela se beneficia de rega lenta e profunda.

Pode podar a videira em qualquer época do ano para controlar o crescimento. Remova seções rebeldes da videira e hastes que se estendem além da estrutura de suporte. As videiras de porcelana toleram poda difícil e você pode cortá-las quase até o solo no final do inverno ou início da primavera. Quando a videira cresce contra uma árvore, é uma boa ideia cortá-la todo o caminho de volta a cada poucos anos para dar à árvore a chance de crescer em diâmetro.

Cultive vinhas de porcelana na paisagem com discrição. Essas trepadeiras prolíficas se espalham de forma agressiva e se reproduzem desenfreadamente a partir das sementes. Controle as tendências invasivas da videira no jardim por meio de poda difícil e removendo mudas. Eles escapam facilmente para áreas selvagens onde podem expulsar as espécies nativas. A cultivar ‘Elegans’ não é tão invasiva quanto outras na espécie, no entanto. Possui folhas verdes com atraentes manchas rosa e brancas.

NOTA: Antes de plantar qualquer coisa em seu jardim, é sempre importante verificar se uma planta é invasora em sua área particular. Seu escritório de extensão local pode ajudar com isso.

Este artigo foi atualizado pela última vez em


Plantas de quintal comuns que são venenosas para cães

The Spruce / Phoebe Cheong

Muitas plantas que são venenosas para cães são muito comuns em quintais. Essas bombas-relógio tóxicas variam de apenas levemente tóxicas (por exemplo, causar vômito) a responsáveis ​​por sérios problemas de saúde canina. Se você deseja errar pelo lado seguro, pesquise exaustivamente toda a vegetação e frutos aos quais seu cão tem acesso.

No caso de algumas plantas que representam um perigo, apenas uma parte específica da planta em questão será tóxica (por exemplo, a semente, as folhas ou a seiva).

A seguinte lista de plantas venenosas para cães não é uma lista completa e exaustiva. Em vez disso, deve ser um trampolim para pesquisas futuras. Muitos (mas não necessariamente todos) dos exemplos nesta lista também são tóxicos para gatos e humanos.

Esta lista de plantas venenosas para cães foi organizada de acordo com o tipo de planta e o potencial de toxidade.


Profissionais de plantio de videira

Ponto de vista de Teo: Qualquer jardineiro questionado sobre os profissionais do plantio de videiras terá dificuldade em descobrir por onde começar, uma vez que existem tantos motivos para cultivar videiras. Continue lendo para descobrir as muitas vantagens de cultivar vinhas em seu jardim.

Razões coloridas para cultivar videiras. As videiras podem adicionar esteticamente à beleza do seu espaço ao ar livre. Cada videira que você planta adiciona verde à paleta do jardim por causa da folhagem. Mas muitos também oferecem flores em uma variedade de formas e tons. As cores das flores variam do azul sutil ao laranja intenso. Vinhas anuais são aquelas que você planta apenas durante uma estação. Eles crescem, sobem, se enrolam, florescem e morrem com o inverno. Vinhas perenes duram mais. Você pode encontrar plantas anuais e perenes com flores brilhantes e algumas até mesmo dar frutos.

Vinhas adicionam interesse vertical. Os benefícios da videira não terminam nas flores. As trepadeiras sobem no alto de uma parede, uma casa ou uma árvore, adicionando um interesse vertical imediato ao espaço do quintal. Eles podem suavizar cantos ásperos e também cobrir paredes ou cercas nada bonitas.

As videiras podem ajudar a criar sombra e fragrância. Se o seu jardim não tiver sombra, as vinhas cultivadas para cobrir uma pérgula criam sombra instantaneamente. E trepadeiras floridas trazem fragrância para o seu jardim, assim como beija-flores e abelhas.

Eles são ótimas opções de triagem. Se você deseja proteger seu espaço ao ar livre daqueles que passam, as vinhas que crescem em uma cerca ou treliça podem resolver o problema. Você também pode usar vinhas para criar uma tela sombreada para uma varanda ou deck. As videiras podem criar telas vivas excepcionalmente ornamentais, dependendo de quais você selecionar. Para um alto fator de surpresa, escolha vinhas com flores lindas, folhas brilhantes ou frutas atraentes.

Convidados de jardim pouco cuidadosos. O melhor de tudo é que as vinhas são plantas grandes e fáceis de cuidar. Uma vez que as vinhas perenes são estabelecidas, elas são hóspedes do jardim de baixa manutenção. Dê-lhes uma bebida de vez em quando e ensine-os aonde ir, e pronto. As videiras anuais possuem outros atributos que são atrativos. Eles não custam muito, crescem como o pé de feijão de Jack após o plantio e podem criar um foco rápido no jardim para os meses de verão.


Espécies de Ampelopsis, Amur Peppervine, Porcelain Berry Vine

Família: Vitaceae (vee-TAY-see-ee) (Informações)
Gênero: Ampelopsis (am-pel-OP-sis) (Informações)
Espécies: heterophylla var. brevipedunculata
Sinônimo:Ampelopsis brevipedunculata
Sinônimo:Ampelopsis glandulosa var. brevipedunculata
Sinônimo:Cissus brevipedunculata
Sinônimo:Vitis brevipedunculata

Categoria:

Requisitos de água:

Requer solo sempre úmido, não deixe secar entre as regas

Exposição ao sol:

Folhagem:

Cor da folha:

Altura:

Espaçamento:

Resistência:

Zona 4a do USDA: a -34,4 ° C (-30 ° F)

Zona 4b do USDA: a -31,6 ° C (-25 ° F)

Zona 5a do USDA: a -28,8 ° C (-20 ° F)

Zona 5b do USDA: a -26,1 ° C (-15 ° F)

Zona 6a do USDA: a -23,3 ° C (-10 ° F)

Zona 6b do USDA: a -20,5 ° C (-5 ° F)

Zona 7a do USDA: a -17,7 ° C (0 ° F)

Zona 7b do USDA: a -14,9 ° C (5 ° F)

Zona 8a do USDA: a -12,2 ° C (10 ° F)

Zona 8b do USDA: a -9,4 ° C (15 ° F)

Onde crescer:

Perigo:

Bloom Color:

Características do Bloom:

Tamanho da flor:

Bloom Time:

Outros detalhes:

Pode ser uma erva daninha nociva ou invasiva

Requisitos de pH do solo:

Informações sobre patentes:

Métodos de propagação:

Da semente, semear ao ar livre no outono

Semeie direto assim que o terreno puder ser trabalhado

Coleta de sementes:

Remova a camada carnuda das sementes antes de armazenar

Regional

Diz-se que esta planta cresce ao ar livre nas seguintes regiões:

North Hollywood, Califórnia

Lincoln University, Pensilvânia

Notas do jardineiro:

Em 14 de novembro de 2015, Hannahviolet de Berwick, LA escreveu:

Em 15 de julho de 2015, AxelDC de Hyattsville, MD escreveu:

Maldição da minha existência. Se eu tivesse um níquel para cada muda ou videira que tirei de meu quintal, poderia contratar um jardineiro.

Sempre que olho para um canteiro de flores e penso "que bagunça!" Percebo esteiras de videiras de frutas silvestres de porcelana e emaranhado de flores e arbustos. Depois de localizar a raiz e remover as vinhas, você ficará maravilhado com a quantidade de metros que ela pode crescer em poucos dias.

É uma trepadeira atraente, mas você deve estar constantemente vigilante para removê-la ou ela irá literalmente sufocar seu jardim até a morte.

Em 18 de maio de 2015, fibra de Toronto,
Canadá escreveu:

Parece que se você não mora perto de uma floresta ou outra área selvagem e tem um local ensolarado e relativamente seco, esta videira pode ser controlada. No meu jardim é bem comportado e os poucos extras semeados são bons itens para nossa venda anual de plantas da sociedade hort. Eu tenho o variegado e é lindo, embora tenha levado um ou dois anos para se estabelecer a partir da semente. O original morreu, provavelmente porque a sombra era muito densa no local em que foi plantado. As mudas estavam em um local inconveniente, mas bem transplantadas. Os pássaros aqui não comem as bagas. Se espalhar no canteiro de tomates do vizinho, ela o retirará antes que fique confortável!

Em 19 de outubro de 2014, grtroes2 de Loveland, CO escreveu:

Videira maravilhosa para o norte do Colorado. Sementes de ampelopsis não podem sobreviver em solo alcalino duro e seco a temperaturas abaixo de 35 F. Portanto, ampelopsis não pode se espalhar neste pescoço da floresta por pássaros comendo as sementes. Eu também nunca vi ampelopsis espalhar nesta parte do país por corredores ou por camadas nesta área.

As informações de perfil não são muito precisas: tanto A. glandulosa quanto A. aconitifolia se dão bem em solos que secam entre as regas. Eles não crescem tão vigorosamente ou luxuosamente como cresceram em nossa propriedade na zona 5 SE Nebraska onde o solo estava úmido o tempo todo, mas eles são uma cerca e cobertura de parede muito atraentes e resistentes, mesmo em solo seco.

Ao contrário de trepadeiras lenhosas como Virginia Creeper, Trumpet Vine e Wisteria, Ampelosis sobe com dez. leia mais drils, e por isso é muito gentil com cercas e outras estruturas de treliça. Na verdade, eu criei uma treliça usando apenas uma rede de plástico quase invisível muito fina. As trepadeiras lenhosas e entrelaçadas destruiriam essa treliça delicada em alguns anos, mas meu Ampelopsis subiu 15 pés e se espalhou por 30 pés de parede apenas em esta pequena rede frágil.

Recomendo vivamente as vinhas de A. glandulosa e A. aconitifolia para a zona semi-árida 5.

Em 20 de agosto de 2014, coriáceo de ROSLINDALE, MA escreveu:

É ilegal comprar, vender, transportar ou plantar este alpinista lenhoso em Massachusetts, devido à destruição que causa em áreas selvagens. É comprovado que é ecologicamente invasivo da Geórgia a New Hampshire e do oeste a Iowa e Wisconsin. O BONAP relata que se naturalizou em 22 estados e 1 província.

Eu gasto muito tempo e dinheiro para me livrar dessas plantas. Os pássaros trazem as sementes continuamente. As plantas se espalham lentamente no subsolo por rizomas rasos e espessos que podem ser difíceis de cavar.

Em ambientes onde esta planta é potencialmente invasiva, mas ainda não comum, se você plantar isso, os pássaros vão jogar a maior parte das sementes em outro lugar. Você não observará isso em sua propriedade. É só depois de se espalhar para as propriedades vizinhas que você pode observar i. leia mais t se tornando uma erva daninha séria para você.

Em 1 de junho de 2013, o jardineiro da cidade de (Pam) Portland, OR escreveu:

Vinha bonita e educada aqui em Portland, Oregon, pelo menos no meu jardim. Nunca notei um em qualquer lugar ficar grande ou fora de controle e geralmente noto plantas por toda a cidade. Muito surpreso ao ler os comentários aqui. Eu tenho o meu há cerca de 15 anos.

Em 15 de março de 2012, ehousefinch de MacLain, MS escreveu:

Eu tenho dois que cultivo em treliças feitas de galhos parcialmente e totalmente sombreados na Zona 7b (Memphis TN) e eles são adoráveis ​​- eles não ficaram fora de controle e, infelizmente, são fáceis de quebrar. Eles fazem 2 ou 3 mudas por ano, mas as mudas têm folhas menos lobadas e tendem a não crescer.

Em 20 de abril de 2011, DaddyNature de Atlanta, GA escreveu:

Estou no ATL e ele está crescendo ao lado da minha garagem em um aglomerado de plantas. SIM, É DIFÍCIL DE MATAR E NÃO VALE A PENA.

Em 21 de março de 2011, Bea_Outdoors de Beverly, MA escreveu:

Eu estava procurando uma videira para crescer na sombra e vi esta postada em outro lugar. Parecia uma possibilidade muito boa, mas depois de pesquisá-la aqui irei acatar os avisos e ficar longe dela! Obrigada pelo conselho.

Em 29 de outubro de 2010, fleurgoddess da Lincoln University, PA escreveu:

Olá jardineiros! Eu moro em New London PA, vi pela primeira vez esta videira crescendo selvagem no Ashland Nature Centre em Delaware, e foi amor no primeiro local! Eu precisava saber o que era, então fiz algumas pesquisas. Eu transplantei um com sucesso para o meu jardim, onde ele está felizmente escalando um tuteur de 2,5 metros. As folhas são extraordinariamente belas, os frutos são impressionantes - do verde ao azul brilhante - e, até agora, tenho conseguido controlar isso.

Em 11 de setembro de 2010, NellieLemon de Kirksville, MO (Zona 5a) escreveu:

Não é invasivo na zona 5. Ele se auto-semeará um pouco. Ela cresce em madeira velha, mas nossos invernos tendem a matar parte da vegetação antiga e, portanto, a mantém sob controle.

É realmente uma planta linda e as cores dos frutos são incríveis!

Em 28 de julho de 2010, trevi de Buzzards Bay, MA escreveu:

Temos esta videira crescendo em nossa propriedade em Plymouth MA, mas temos MUITA terra, então ela pode crescer selvagem. Há uma entrada para um parque estadual ao longo da parte de trás de nossa propriedade, então ele está crescendo ali como um belo bloco de privacidade. Se você tem um pequeno pedaço de propriedade, lembre-se de que ele precisa de tanta atenção quanto as vinhas agridoces ou glicínias. Você tem que mantê-lo constantemente ou IRÁ invadir a área. As folhas e frutos são lindos, atrai borboletas e abelhas para o meu quintal e as vinhas ainda são uma ótima cobertura no inverno. Todo mundo que vem aqui tira fotos, porque as frutas silvestres são muito incomuns. Foi apelidado de "videira de chiclete" aqui por causa das berry's coloridas e salpicadas de diferentes cores!

Em 7 de outubro de 2009, DanCornett de Landenberg, PA escreveu:

Eu não planto isso, mas parece ser bastante invasivo em algumas 'áreas selvagens do sudeste da PA. Os frutos são adoráveis. Imagem a ser carregada.

Em 18 de setembro de 2007, o Eaglemaster de Rye, NY escreveu:

eu trabalho em um santuário em Nova York e o lugar está sobrecarregado com esta planta é altamente invasiva não há quase nada que possa impedir esta planta ela está matando todas as plantas nativas. cresce qualquer coisa que esteja perto e bloqueará o sol de outras plantas. cortá-la apenas mata o que está acima do que cresceu e não fará nada com as raízes e as raízes ficam cerca de 10 pés abaixo do solo, por isso é quase impossível cavar. Eu recomendo obter plantas nativas como a madressilva de trombeta.

Em 27 de junho de 2007, CaptMicha de Brookeville, MD (Zona 7a) escreveu:

Eu realmente não gosto desta videira. Está em todo o lugar, crescendo sobre si mesmo e qualquer outra coisa a que possa se agarrar.

Em 12 de abril de 2006, Happy_1 de Chicago, IL (Zona 5b) escreveu:

Este é um pesadelo aqui. Hap

Em 26 de abril de 2005, chicochi3 de Fayetteville, AR (Zona 6b) escreveu:

Embora esta seja uma trepadeira bastante atraente que se parece com uma videira, é terrivelmente invasiva. Ele pode e vai sufocar árvores totalmente crescidas. Eu vi várias árvores realmente mortas por esta videira. Ele toma conta da floresta, cobre prédios e pode derrubar cercas. Este pode muito bem ser o próximo "kudzu". E meu viveiro de plantas local a vende como uma videira ornamental. Vai saber.

Em 12 de agosto de 2003, PurplePansies de Deal, NJ (Zona 7a) escreveu:

AVISO. Por favor, por favor, não plante esta videira. Não é assim tão vistoso, as bagas são um tanto bonitas e são a única parte bonita. Esta videira é um INVASIVO NOCIVO da Ásia. Sufocou árvores e arbustos em minha propriedade e está aparecendo nas telas da minha casa. Eu não plantei, mas está aqui de qualquer maneira. Talvez para algumas dessas pessoas onde tudo é difícil de cultivar (por exemplo, Arizona), não seja invasivo, mas está em todos os outros lugares. É ILEGAL plantar em alguns estados e por um bom motivo. Tem potencial semelhante ao Kudzu, (Kudzu, a videira que comeu o sul.). Seu valor ornamental menor não vale a pena lutar contra sua natureza maligna. Ele foge para áreas selvagens e APAGA A FLORA NATIVA. São bagas prontamente semeadas novamente, e antes que você perceba, você terá mudas brotando por toda parte. leia mais o lugar, e indo para o quintal dos vizinhos, e entrando em áreas selvagens. Quase impossível de erradicar. POR FAVOR, NÃO AJUDE A ESPALHAR ESTA ERVA NOXIOSA.

Em 17 de julho de 2003, Lilybells de Vernon, AZ (Zona 5a) escreveu:

Nas montanhas áridas do Arizona, não parece ser invasivo. Os meus (dois) têm cerca de 4 anos. Um, no lado sul, sob o telhado da varanda, está crescendo aos trancos e barrancos, mas só começou no ano passado. O outro fica no lado oeste, então recebe o sol da tarde. É muito menor, mas ainda saudável. Meu solo é argila. Os pássaros do inverno adoram as bagas.

Em 31 de agosto de 2002, místico de Ewing, KY (Zona 6a) escreveu:

Tem pequenas flores verdes em julho seguidas de frutas redondas que mudam de cores do verde para tons mais escuros de roxo e então para um azul porcelana (que é de onde vem o nome Porcelain vine ou Porcelain berry). Freqüentemente você tem várias cores de frutas ao mesmo tempo na planta, o que a torna uma videira incomum. Pode se tornar invasiva.

Em 31 de agosto de 2001, smiln32 de Oklahoma City, OK (Zona 7a) escreveu:

Facilmente cultivado em solo médio, úmido e bem drenado no sol ou na sombra. Adapta-se bem à maioria dos solos, incluindo os arenosos ou rochosos. Evite solos úmidos e mal drenados, entretanto. A melhor flor e a subsequente produção de frutos ocorrem a pleno sol. Precisa de uma estrutura de suporte para crescer. Floresce em crescimento novo, então esta videira pode ser cortada ao solo no final do inverno (opcional) para controlar o crescimento. Caso contrário, apare as hastes conforme necessário para manter a forma desejada.


Batata Vinha

Os caules finos e duros da batateira (Solanum laxum, anteriormente S. jasminoides) são fáceis de prender em uma cerca ou treliça e têm a mesma aparência de planta no solo. A Universidade da Califórnia observa que essas vinhas com flores perenes florescem durante todo o ano, mas mais abundantemente durante os meses de verão nas zonas 8b e 10b do USDA.

Grandes flores brancas e um intrincado centro de flor, pouca necessidade de água e resistência aos veados, tornam essas vinhas as favoritas dos jardineiros. A videira de batata prefere sol pleno a sombra clara, solo fértil e umidade moderada.


Q. vídeo de porcelana berry e

Olá, compramos nossos visitantes de uma creche local. Eles têm crescido muito e este será o 4º ano em que eles o fizeram e sobre nossa pérgula até o topo. Eles também estão brotando na videira existente. No entanto, este ano não um único botão, mas muito crescimento de baixo. Decepcionado porque estávamos felizes este ano, eles finalmente teriam coberto o topo para nos dar a sombra que estávamos esperando. Nenhuma doença nele, mas estou muito curioso por que de repente todas as videiras não têm botões. Sua informação seria muito apreciado. Muito obrigado. Tracy

É provável que o solo precise de fertilização, embora isso seja incomum na planta. Você pode levar amostras para o centro agrícola local para que as amostras sejam coletadas. Eles serão capazes de dizer o que falta em seu solo. Este artigo irá ajudá-lo a cuidar dessas plantas: https://www.gardeningknowhow.com/ornamental/vines/porcelain-vine/growing-porcelain-berry-vine.htm


Espécies de Hoya, planta de cera, flor de porcelana

Família: Apocynaceae (a-pos-ih-NAY-see-ee) (Informações)
Gênero: Hoya (HOY-a) (Informações)
Espécies: carnosa (kar-NO-suh) (Info)
Sinônimo:Asclepias carnosa
Sinônimo:Cynanchum carnosum
Sinônimo:Hoya chinensis
Sinônimo:Hoya intermedia
Sinônimo:Schollia carnosa

Categoria:

Tropicais e perenes tenras

Requisitos de água:

Necessidades médias de água A água regularmente não rega em excesso

Exposição ao sol:

Folhagem:

Cor da folha:

Altura:

Espaçamento:

Resistência:

Zona 9a do USDA: a -6,6 ° C (20 ° F)

Zona 9b do USDA: a -3,8 ° C (25 ° F)

Zona USDA 10a: a -1,1 ° C (30 ° F)

Zona USDA 10b: a 1,7 ° C (35 ° F)

Zona 11 do USDA: acima de 4,5 ° C (40 ° F)

Onde crescer:

Adequado para cultivo em recipientes

Perigo:

Bloom Color:

Características do Bloom:

Esta planta é atraente para abelhas, borboletas e / ou pássaros

Tamanho da flor:

Bloom Time:

Outros detalhes:

Requisitos de pH do solo:

Informações sobre patentes:

Métodos de propagação:

Ao dividir rizomas, tubérculos, rebentos ou bulbos (incluindo deslocamentos)

Coleta de sementes:

N / A: a planta não dá sementes, as flores são estéreis ou as plantas não se concretizam a partir da semente

Regional

Diz-se que esta planta cresce ao ar livre nas seguintes regiões:

Huntington Beach, Califórnia

Rancho Palos Verdes, Califórnia

Panama City Beach

Summerville, Carolina do Sul

Notas do jardineiro:

Em 8 de abril de 2016, sunkissed de Winter Springs, Flórida (Zona 9b) escreveu:

Cresce ao ar livre em uma cesta pendurada sob a copa das árvores, recebe principalmente sol filtrado, sol brilhante e tarde. Levei o meu dois anos antes de florescer. Principalmente recebe água da chuva, e se realmente seca, eu rego com água de barril de chuva. Eu uso fertilizante de orquídea de vez em quando nos meses quentes ao regar. Se mergulharmos abaixo de 45 graus, eu o levo para a sala FL, mas esqueci e este hoya parece se dar melhor com temperaturas mais frias do que os outros que eu tenho. Eu nunca o deixei de fora em temperaturas abaixo de 40F. As flores cheiram a chocolate doce.

Em 24 de agosto de 2015, camille4 de Fulton, TX escreveu:

Tenho 5 variedades de soja, mas existem muitas mais. A carnosa é a que mais floresce e a carnosa de folha variegada tem uma flor ligeiramente diferente da regular. Eles gostam de estar presos à raiz e do lado seco. Embora a minha sempre tenha florescido, no ano passado uma senhora que tem muitas variedades me disse para fertilizar com ração de orquídea a cada 2 semanas, então eu o fiz e elas floresceram mais do que eu já vi e quase continuamente. Sol da manhã, luz forte, no lado seco, enraízem e fertilizem e eles crescerão e florescerão. Ame, ame, ame essas plantas.

Em 18 de agosto de 2015, dvcmck de carvalho branco, PA (Zona 6b) escreveu:

Não corte as corrediças - enrole-as em um arco ou na panela, se estiver pendurado. Sol da manhã, raízes mantidas em vaso apertado, e não remova os caules das flores (esporas), pois é aqui que as flores aparecerão na próxima vez. Deixe secar entre as regas. Planta fácil e bonita.

Em 27 de junho de 2013, NancyinNYC de Forest Hills, NY escreveu:

Minha experiência com o cultivo desta planta foi notavelmente semelhante à de Sinny. Minha mãe se aposentou na mesma época em que me mudei para uma nova casa, e ela me deu a hoya carnosa que ela guardou em seu escritório por seis anos. Para sua surpresa e meu deleite, floresceu pouco depois e tem florescido intermitentemente desde então, por mais de uma década.

Há alguns anos arranquei uma muda dela e agora tenho uma segunda planta, que também floresce. As plantas mãe e filha prosperaram em uma exposição oriental e continuam a prosperar em uma ocidental. Eles exigem uma manutenção maravilhosamente baixa: uma vez por semana, coloco-os na pia, rego e enxáguo as folhas, deixo-as escorrer e coloco-as de volta no parapeito da janela. É isso!

Em 29 de dezembro de 2012, grannal de Spring, TX escreveu:

Eu tive meu Hoya Carnosa por cerca de 10 anos. e recentemente explodiu em crescimento! Floresceu apenas uma vez em 10 anos. mas eu amo essa planta. Eu tenho isso no meu pátio, que fica de frente para o sul / sudeste e é ótimo! Eu descobri da maneira mais difícil que os cochonilhas amam esta planta. Uma vez sob controle, e um pouco de fertilizante. está crescendo e crescendo novamente. O comprimento agora é de aprox. 5 pés de comprimento. Nenhuma flor ainda. Estou um pouco preocupado com o fato de que as vibrantes folhas verdes cerosas estão ficando verdes muito claras. Querendo saber se precisa de ferro, solo novo ou. Qualquer ajuda seria apreciada para ter meu Hoya de volta "verde".

Em 27 de novembro de 2012, andbez de Joanesburgo,
A África do Sul escreveu:

Um amigo me deu esta planta, uns seis anos atrás. Eu estava pronto para cortá-la e replantá-la, então uma manhã eu vi que ela estava começando a florescer. Sim, demorou seis anos e tem cerca de um metro de altura. Eu tenho no pátio e as flores são simplesmente lindas.
Agora quero plantar um em nossa sala, no trelis que sobe as escadas. O problema é que a luz do sol é um pouco limitada. Bem, vou tentar fazer isso, provavelmente vai demorar alguns anos, mas se florescer, vai valer a pena.

Eu tive o mesmo Hoya por 19 anos. Ela floresce, mas não com frequência. Eu pensei que estava morrendo, então comprei uma pequena partida e cortei a outra. Agora tenho duas grandes e lindas plantas. Eles estão em uma grande janela sul e recebem luz direta muito brilhante, mas nit. Agora mesmo, meu 'mais jovem' está florescendo. Ambos lançam novos brotos constantemente que ficam fora de controle crescendo até 2 e 1/2 pés direto para dentro da sala até que eles sobem até o teto e caem. Eu amo essa planta.

Em 24 de novembro de 2011, patalarga de Morelia, Michoacбn,
O México escreveu:

Um ano atrás, um amigo me deu um corte (com três folhas) de hoya carnosa. Está em um vaso de 10 cm. As folhas são verdes e saudáveis, eu rego cerca de 2x / semana, está em pé e parece feliz o suficiente. Mas não cresceu nem emitiu nem mesmo a sugestão de uma nova folha. Minha esposa diz que "a planta de plástico".

Claro que estou tentado a olhar para as raízes - se é que existem raízes - mas também sei que seria contraproducente.

Alguma idéia de quanto tempo minha pequena hoya vai demorar para mostrar sinais de vida mais definidos - como uma nova folha?

Em 5 de novembro de 2011, sunflowerlee de Mallorca,
Espanha escreveu:

Olá, eu moro em Maiorca, Espanha e o Hoya cresce aqui fora durante todo o ano sem nenhum problema. Ela cresce tanto em áreas sombreadas quanto em pleno sol (e recebemos muito disso!) E não se importa com alguns dias de 2 a 3 graus centígrados no inverno. É importante não remover as flores, pois outras crescem no mesmo local ano após ano. Eu plantei uma nova planta de um corte este ano e ela já me deu duas flores - obviamente gosta desse clima. Deve haver sol da manhã para provocar floração e de preferência raízes amontoadas em vaso pequeno. Menos água no inverno é melhor.

Em 1 de novembro de 2011, BettBi de Pahoa, HI escreveu:

Estou animado com a demonstração de amor por esta videira. Um amigo me deu 2 cortes e eu os coloquei em dois plantadores de parede de pedra em cada lado do portão do caramanchão, na esperança de que eles escalassem. Fez isso com alguma ajuda e produziu flores ocasionais - com uma aparência falsa, mas muito interessante, como observam os outros cartazes. Eu esperava que muitas folhagens cobrissem o caramanchão, mas as trepadeiras são coisas marrons com ervas daninhas que parecem mortas. Um vizinho ficou com pena, aproximou-se e enfiou algumas cepas de coração sangrando nas plantações que fornecem muito mais cor e interesse. Vivemos em um ambiente muito úmido, mas os plantadores de paredes de rocha secam ocasionalmente e não há muito solo neles. Depois de ler todos os outros posts, darei ao hoya mais tempo para mostrar seu material.

Em 20 de julho de 2011, RxBenson de Pikesville, MD (Zona 7a) escreveu:

Lo, depois de nove anos o meu floresceu. Tem "cordas" com mais de um metro de comprimento e verões ao ar livre na região quase costeira central de NJ (Zona 6-7), e passa seus invernos em um solário a 62єF. (Veja os arquivos de imagem)
Disseram-me que precisava de muito fertilizante, mas isso nunca funcionou, então parei há alguns anos. Provavelmente, a esta altura, ele está cheio de vasos e recebe sol da manhã e meio-dia.
Eu descobri as flores (x2) uma manhã quando fazia beicinho no meu caminho de volta para casa ao descobrir que eu tinha perdido a flor do meu Epiphyllum oxypetallum na noite anterior.
Parece que os tripes vão ser um problema, especialmente quando se trata de dentro de casa para o inverno.

PS: Meu zip agora aparece como "Cedar Glen Lakes", enquanto antes sempre era mostrado como "Whiting".

Em 11 de junho de 2011, wattamutt de Coatesville, PA escreveu:

Eu li em algum lugar que a videira deve ter pelo menos 3 pés de comprimento antes de florescer - eu tendo a achar que isso é verdade porque eu tive minha hoya por 4 anos e ela nunca floresceu, mas depois de ler essa informação eu parei de podá-la e deixá-la crescer. em dois anos, ele tinha lindas flores. Eu só transplantei uma vez durante todo o tempo que tive. Acho que eles gostam de ficar presos à maconha. E se você deixá-los do lado de fora, eles são um imã ENORME para cochonilhas e pulgões. Então, para todos que estão tendo problemas para fazer seu hoya florescer, tente deixá-lo crescer por alguns metros - se você não quiser que ele fique pendurado tão longe, enrole-o no vaso ou em um suporte - boa sorte!

Em 17 de outubro de 2010, saronann de Notodden,
A Noruega escreveu:

Esta espécie vem crescendo no sudeste da Noruega há anos. Minha filha deu mudas para muitos e eles podem ser encontrados em muitas casas. Ela adora sair durante os meses de verão, desde que tenha sombra do sol. No inverno, eles ficam pendurados alegremente na janela. Com boa luz e temperatura uniforme, elas florescem regularmente (geralmente o ano todo) quando a planta é grande o suficiente.

Começar um leva tempo, geralmente um ou dois anos, a partir de um corte ou folha.

As flores são muito perfumadas e geralmente gotejam minúsculas gotas de nektar.

Em 19 de junho de 2010, aspenbooboo41 de Whitehall, PA (Zona 6a) escreveu:

Uma planta despreocupada com as flores mais interessantes! As flores cheiram a chocolate, você definitivamente sabe quando está desabrochando! Produz algumas trepadeiras que se prendem às paredes ou a qualquer coisa que esteja por perto. Minhas plantas estão penduradas na frente de uma janela, algumas trepadeiras penduradas e outras subindo e ao redor da haste da cortina e da parede.
Comecei com uma planta de interior há cerca de 8 anos. Floresceu por muitos anos (primavera-verão). Dividi a planta há cerca de 3 anos e agora tenho duas plantas grandes e saudáveis. mas nenhum floresceu desde que o dividi. No entanto, quando a dividi, dei um pequeno pedaço para minha mãe e ela cresceu e se tornou uma planta de tamanho normal e floresceu a cada ano.

***** Atualização - que engraçado isso dentro de um mês após postar meu ori. leia mais comentário final minha planta começou a florescer novamente. yay !!

Em 29 de janeiro de 2010, Tennessee_Jill de Columbia, TN escreveu:

Atualmente moro no Tennessee e trouxe minha planta de porcelana (o nome dela é Iris em homenagem à minha avó) através do país da Califórnia em 1997. Minha avó trouxe esta planta com ela da Suécia em 1908, levando-a para Chicago, Massachusetts, Michigan e depois para a Califórnia. Minha mãe e minha tia dividiram o original e metade dele vive comigo. No ano passado (2009) mediu 15 pés de comprimento, vive dentro de casa na cozinha, floriu três vezes com 23 ramos. Quando as flores caem, meu cachorro gosta de lamber o doce néctar.
Eu amo esta planta e agradeço ao Jardim Dave por me informar como propagá-la como amigos pediram para mudas.

Em 19 de julho de 2009, Wyomingflowers de Gillette, WY escreveu:

morando na zona 4, é claro que cultivamos nossas duas carnosas dentro de casa durante todo o ano. Com ventos, granizo ou tornados sendo uma ameaça, não queremos perdê-los. Nós os compramos em Dickinson, Dakota do Norte, em 2003, e vimos duas enormes "plantas da sua sala de estar indo para 2 pequenas plantas com 5-6 brotos cheios de folhas e, até agora, nenhuma floresceu.

No entanto, eu possuí um em Idaho que floresceu e cresceu como um louco e com um cheiro inebriante! Não podemos esperar que eles floresçam também. Nós os colocamos pendurados na janela norte de nosso banheiro e, embora recebam novas folhas e brotos, as folhas ficam e a maioria dos brotos morre. Eu, no entanto, tirei uma folha e coloquei no chão cerca de 2 meses atrás, ela ainda está verde, mas vou esperar para ver se não vai dar em nada. leia mais algumas raízes.
Mas, continuamos! Não temos vista para o sul para mantê-los protegidos de nossos netos, pois eles dormem naquele quarto e as plantas estão penduradas.

Nós os alimentamos e deixamos secar antes de regar (de acordo com as instruções) e apenas 'esperar'. Tem sido positivo porque eles ainda não morreram e temos fé que algum dia eles florescerão como o meu floresceu no Nordeste de Idaho (também mantidos dentro de casa). Alguma pista ou plantas de brinde? Elas são minhas flores favoritas no mundo! AJUDA!

Em 3 de março de 2009, krissy_p de Pipe Creek, TX escreveu:

Eu cultivo esta planta do lado de fora na luz do sol manchada sob algumas árvores. As flores são muito interessantes e meu marido sempre me pergunta se são falsas. Deixo-os ao ar livre durante o inverno e nunca tiveram problemas com o frio (zona 8b).

Em 29 de junho de 2008, mrbones da Gypsum, CO escreveu:

Há três anos, dei um rebento desta planta. Era basicamente um pedaço de pau com duas folhas. Desde então, cresceu para cerca de 30 polegadas e tem todas as indicações de que é uma planta saudável. A preocupação que tenho é que não floresceu. Alguém pode me dizer o que posso estar fazendo de errado?

Em 5 de março de 2008, Marilea777 de La Grande, OR (Zona 4b) escreveu:

Tenho cultivado Hoya em cada lado da janela de canto por 15 anos. Uma janela de 8 pés está voltada para o leste e a outra (também 8 pés) está voltada para o sul. The Hoya now serves as curtains growing up each side of the corner and as valance across the top. Both sides have filled out and provide a balanced frame over the complete corner. We absolutely love the fragrance that fills the room each evening. I find it to be the easiest plant that I grow. (and friends call my living room a jungle.) Plants purify the air we breathe. I find the plants give a sense of peace to the room. We will grow our Hoya as long as it wants to live with us.

On Jun 1, 2007, SummerLion from Two Rivers, AK (Zone 1) wrote:

I was given a stem of this plant by an elderly woman who'd had it for at least 40 years. She said it was her grandmother's. It was just a stick in a pot of dirt for five years, and then suddenly last summer started growing, putting out leaves. and now it has bloomed for the first time since I got it. Truly amazing (to me, anyway).

I love the way the buds look before they open fully, and the flowers are a pretty pink. They do ooze a bit of nectar, but not overmuch.

My plant lives in a Southeast window and gets lots of sun. I water it once a week and fertilize about once a month.

On Dec 30, 2006, PookieandHippie from Dewey, AZ wrote:

My mother received as a gift a hoya carnosa when I was born. I am now 61. My mother has passed on, but the plant is still going strong. Have had it in 7 California and one Arizona residences. The last two Christmas seasons it bloomed. Had to move it to make room for computer, and the room has less light because we covered the main window. It didn't bloom this Christmas. I had been under the impression that it doesn't like the light, but maybe I was wrong. It now gets a tiny sliver of light, facing south. Maybe I should try giving it more.

On Dec 17, 2006, swhite from Dublin, OH (Zone 5b) wrote:

I have had a Hoya for years with great success.
Does anyone know of a source for Hoya carnosa 'Sweetheart'? There is a large one growing at the Franklin park Conservatory in Columbus, OH, the first I have ever seen. Does it bloom like a regular Hoya?

On Dec 10, 2006, WUVIE from Hulbert, OK (Zone 7a) wrote:

The Hoya is new to my little greenhouse, but I'm
very excited about it after reading the posts above.

I'm happy it is a plant which readily propagates, as
I enjoy sharing unique plants with my sister in law
Katherine. My Hoya was purchased from a "Save us,
we're doomed for the trash can" sale for two dollars
at a local hardware store which shall remain nameless.

It came with but a tag reading "Hoya Carnosa Loop"
which I assume is not a variety, but an indication of
the style, which was bread tied to a loop stuck in the
soil.

I will leave it potted this first week but will transplant
after it recovers from sitting around unattended without
water in the store.

Th. read more ank you all for sharing such wonderful information
about this plant.

On Sep 9, 2006, AJSmith85 from Fairview, IL wrote:

I just inherited a Wax Plant that belonged to my grandmother. She passed away in 1964, 21 years before I was born. I have very little of hers and was very excited to have the plant! What was the most exciting was when it bloomed for the first time I had no idea it did bloom and when it did I was in awe! It is very antique looking! The blooms look so fake, and I actually thought I was losing my mind the first time it bloomed! I had no information on this plant and no idea what it was until finding it on this website! I am so excited to learn all of the care information! When my step-grandmother gave it to me it was all wadded up on top of the pot I was amazed at how long the stems are when I FINALLY got it untangled! Until three days ago it had lived in the same North facing window since. read more my grandmother first got it, at least 42 years ago! It seemed to be doing well but I think it will do better if allowed to spread freely!

I am curious if it would climb on lattice work? My husband and I want it to spread but not climb into woodwork in our home. I thought this may be a good solution. I am also worried because it has about 5 main stems coming out of the pot, one of which is browning a bit. It has also lost a lot of leaves on a couple of stretches of stems. It has bloomed 2-3 times in the past year! Any help on these questions would be much appreciated! I would love to keep this plant going as long as it will!

On Jul 1, 2005, spaceman_spiff from Saint Petersburg, FL (Zone 9b) wrote:

I obtained some Hoya cuttings growing in the branches of a Jacaranda tree here in St. Pete, FL (Zone 9b), in the back yard of a vacant house I helped remodel. Fascinated by the way it survived with no soil other than whatever tiny amounts might have gotten got in the small crevices of the tree's bark and branches, I decided to try the same thing in my large oak tree in the front yard.

However, I decided to give it a bit more help, and wedged flower pots in three different places in the oak's branches, so the cuttings could at least get a boost by growing in soil. This was three years ago, and all three plants are doing great! They have sent vines all up and down the branches of the oak, and many bloom clusters hang down from above during the summer.

In dry . read more spells I spray water up into the tree toward the pots, but other than that I never do anything for the plants, and they have survived the winters here (and the hurricanes last year!) just fine. I wish they had more fragrance like Hoyas I remember from my childhood, though.

On Aug 26, 2004, ArdenS from Washington, DC wrote:

We have a Porcelain Flower vine frmaing a window (4'x5') with southeastern exposure in Washington DC. We have had it for two years. It's lush and thick, grew quickly, but has had only one bloom. Any suggestions about how to make it bloom?

On Jul 20, 2004, dvotaw from Lancaster, TX (Zone 8a) wrote:

Mine never stop blooming, they are placed in a shaded area during summer and in my greenhouse in the winter.
Mine grow so fast I just can't root them all last year I filled a garbage bag full to throw away, broke my heart but just no more room in the winter greenhouse.
I got 3 small peices from a friend about 7 years ago, hers died from too much sun and not enough water. But of course she has new plants off of mine.
infact I found a single leaf last month that had fallen into a pot of aloe and it had rooted, so I had the save it! still living just no added growth as of yet! I love them, I would share.

On May 29, 2004, nanawaters from Anniston, AL wrote:

I have three different kinds of this plant. I have the solid green leaf, the green and white leaf and the curly leaf. I put them on my porch every summer and the hummingbirds love them. If you look close you can see the nectar on the flowers. It looks like little raindrops just hanging on the flowers. I got this plant from my husband's great aunt also. When we sit on her porch in the summer we have to watch for dive bombing hummingbirds because they just love the nectar. It is one of my favorite plants because it is easy to start new plants and I love it when my friends see it for the first time and ask if it's fake.

On May 15, 2004, flowerwatcher from Bend, OR wrote:

This plant was a gift, one plant that I knew nothing about. I had mentioned it's uniqueness and all of the sudden I had small vine in my possession. It came as a cutting from a plant over 45 years old. I ignored it and it is now beautiful and a mystery to me. I have, after about 7 years, yet to see blooms, but think that it is a whole other "being" in my house. Now I am interested in finding out more, what does the pre-bloom look like? I may have blooms coming, it looks like a lighter sprout from a leafless area, but I do not know much about how the bloom appears. Can anyone help me?

I have a hoya carnosa that has bloomed once since I got it and I have had it for about 20 years. Someone told me that if you pick the flowers , it will never bloom again. I also have had the sticky problem when it did bloom, and it is quite smelly. It is really beautiful and does look like velvet. It has been in a south window and now I have to relocate it because of remodeling. I would appreciate any help you can give me to make it bloom again. Thanks. myfarmgarden

On Apr 29, 2004, patp from Summerville, SC (Zone 8a) wrote:

Take heart, teachaholic, this little beauty is worth waiting for. It might take a long time before it develops roots and puts forth growth. It will tolerate some direct sun and enjoys the outdoors during warm months. Let the soil dry at least 1" (2.5 cm) since it dislikes excess watering (causes leaves to turn yellow and fall off). Following bloom, do not break off flower stem for that is where it will bloom again. Feeding with time-release fertilizer is the easiest method. I keep my hoya carnosa in an east window in the winter (1/3 day full sun thru low-e glass window) and move it outside to a north porch, where it receives a tad of direct sunlight, after danger of frost is over. USDA Zone 8a, Summerville, SC
-------------
One site recommends inserting new cuttings w. read more ith the node close to the surface.

On Apr 27, 2004, teachaholic from Devon,
United Kingdom wrote:

Hi All, Im based in the UK but with the use of the net hopefully I can still share gardening tips. Ive just been given a pot with two leaves sticking out of the soil and told its a Hoya Carnosa. So here I am learning about it and hope to one day have a healthy flowering plant.

On Apr 6, 2004, nancyanne from Lafayette, LA (Zone 9a) wrote:


I thoroughly disagree with the above. this plant produces a boat-shaped seed pod, full of small, flattened seeds with a silken thread attached. It grows readily from seed, and will reach blooming size in about 2 years.
Two notes: it is, indeed, a mealybug magnet aphids, too.
Also, the seedlings from my variegated plant produced only solid-green foliage.

On Jan 22, 2004, freedoggers from Rochester, NY wrote:

I aquired my grandmother's hoya 10 years ago. It bloomed wonderfully for her in a East-facing window. It bloomed a couple years for me and then I spent several years moving around and I was not careful during moves, so many/most of the buds fell off. I can not get it to bloom again. I have repotted it, fertilized it, and now it gets pretty good sun in a south window. Any suggestions on how to get this to bloom would be appreciated!

I'm in Australia and I've had a Hoya that has lived in the same pot for about 15 years. I've never had to give it any "real" care and it doesn't seem to mind being slightly "neglected". This Hoya seems to flower randomly nearly all year round (much to the disgust of my mother who had it for years before giving it to me and never once saw it flower). Every now and then whenever the urge strikes me, I cut a piece off and bury it in whatever pot I have handy and viola! I have another hoya. Can't get any easier than that!

I have had a Wax Plant for probably ten years it is quite large, hangs from the ceiling to the floor in front of a south window. It blooms most of the year. It gets a little sun and is watered once a week. The only problem is the leaves are turning a yellowish color.

On Oct 5, 2003, gardenermaid from Bellaire, MI (Zone 5a) wrote:

My mother has had her plant for over 40 years and it is still going strong. blooms constantly. I have had many cuttings, some never bloomed. The one I have now, was in the north window of my house, the only place I had for it. It bloomed about 3 times a year. We have now moved and it bloomed a month after moving and keeps blooming almost every month.
I now have it in a northeast corner of my sun room. The flowers look like wax and smell "heavenly" in the evenings. My sister thinks they "stink", so smell is in the nose of the beholder. :-)

On Oct 4, 2003, Mondz from quezon city,
Philippines wrote:

I just love propagating this plant. It's a no-brainer, actually. You can even leave a leaf cutting lying around in a humid place and return a week or so to find roots growing. It also keeps blooming on the same bud over and over, which is very nice especially if you have lots of it. It can also be very tolerant to heat once it adapts to the climate. I've discovered that ants love the flowers, though. I recommend placing the plant on a humidity tray when keeping it outdoors as the ants tend to nibble on the flower bud even before the blooms mature.

On Sep 3, 2003, Phaltyme from Garden City, MI (Zone 6b) wrote:

I'm interested to see the Hoya carnosa - I was given a little pot with about 3 leaves sticking up and told the name. This was very many years ago. I kept the thing, watered it and wondered about it. After about 5 years, it still looked exactly like it did the day I got it. We moved at this time and to my surprise, I saw a new growth. I immediately repotted it and it thrived and started blooming with flowers like pink velvet but one BIG problem: it STUNK big time.

Many people in my family are still growing it from starts from my plant. I now admire the pictures I took of it.

On Sep 3, 2003, Charleen43 from Claremont, NH wrote:

I have had my grandmother's original wax plant for over 20 years now and she had it for at least 30 before it was handed down to me. Today, I just finished repotting it for about the 5th time since it has been in my possession.

Last fall we moved and I thought I was going to lose the plant as all the leaves started falling off, but I kept babying it and sure enough it is growing nicely again. The plant seemed to go into shock about a month after we moved. This place does not have the same amount of light that our old house had so maybe that has something to do with it.

This is one of my favorite plants and it is my most cherished because it was my grandmother's. I have read that it can last up to 50 years somewhere a great plant to own that can last for y. read more ears and years.

I just wanted to add that mealy bugs love these plants. They are persistant and will lodge themselves in the apex, or just about anywhere. I wash my hoya and also use a systemic poison which is very effective within 5 days.

I have this as a houseplant -same plant fot last 10 years -I have it in a hanging pot - needs more sunshine in our thin Canadian sun - I have it in a protected south window, and plant did not bloom until I removed a window valance - now blooms almost continuously if there is enough light in the winter - otherwise only blloms in summer. I fed it half strength fertilizer for many years - recently switched to full strength fertilizer with excellent results in new leaf growth and blooms.

This has been the most undemanding of houseplants for me. It seems very forgiving of drying out without any damage. I've not seen any sign of insect problems. Seems to do best in a bright window. Avoid overwatering. I love the chocolate smell of the flowers. Be sure not to prune the long stems if you want it to bloom.

This plant is a must have for plant collectors. I'm in Zone 9 (California, U.S.) so mine is in a container under an east facing covered porch. I am slowly winding it up with jute rope. It gets just a bit of morning sun and not a lot of water which seems to keep it happy. The flowers clusters are so perfect, they look like a confection and this variety smells like candy too!

On Sep 22, 2002, IslandJim from Keizer, OR (Zone 8b) wrote:

Seems to bloom, maybe, 10 months a year here in southwest Florida. Unlike many vines, it will adhere to a painted surface [with a little help].

This is a wonderful plant indoors or out. Make sure you keep it out of direct sunlight outside because it melts the wax that covers the leaves and flowers. It grows very fast if taken care of properly. I have started a plant by dipping a leaf in rootone. I have also made several plant from the large plant, after one good year of growth.

I have this as a houseplant but have not experienced the sticky substance described by "eltel". Blossoms yearly are creamy - beige and look almost plastic. Their mild scent seems to be like chocolate. A very interesting plant worth waking up to.

On Jul 14, 2001, eltel from Macclesfield, CHESHIRE (Zone 8a) wrote:

A word of warning for those planning to keep this as a house plant. The flowers are extremely rich in nectar which, because the flowers hang downwards, is liable to drop all over the floor! It is a very sticky substance which, when it has soaked into the carpet, can be difficult to remove. On stone plastic or wood floors warm soapy water will get rid of it.


Assista o vídeo: Parreira de uva após um mês de poda.